Obras para evitar deslizamentos em dois morros de Santos estão quase concluídas


Foto: Divulgação

As obras emergenciais de contenção e drenagem em encosta do Morro da Penha e a recuperação de 30 metros de extensão de escadaria da Rua 1, no Morro Boa Vista, estão 90% concluídas pela Prefeitura de Santos.

Na Penha, é finalizada a escada hidráulica e o plantio de grama a cargo da Secretaria de Infraestrutura e Edificações (Siedi). Já no Boa Vista, o serviço realizado pela Pasta de Serviços Públicos (Seserp) também inclui estabilização de encosta e drenagem.

As intervenções integram as 12 obras em andamento nos morros para reverter os danos provocados pelas fortes chuvas que atingiram a Cidade em março do ano passado. O objetivo é dar mais segurança aos moradores dos bairros da região, destaca o prefeito Rogério Santos. “São importantes obras de contenção que estão sendo feitas para garantir a segurança e a qualidade de vida das pessoas”, disse.

RECURSOS

Os morros santistas já receberam dez obras emergenciais, além dessas 12 em andamento. Ao todo, o investimento vai alcançar quase R$ 40 milhões. São R$ 14,4 milhões de recursos próprios e o restante composto por verbas federais e estaduais.

Estão com obras emergenciais os morros Monte Serrat, Boa Vista, Pacheco, Penha e São Bento, Santa Maria e Fontana.

MAPEAMENTO DETALHADO

A Defesa Civil, em conjunto com Siedi e Seserp, elaborou mapeamento detalhado das áreas afetadas pelas chuvas de março do ano passado, indicando as prioridades de execução de obras emergenciais, drenagem, contenção de encostas, entre outros serviços.

Os projetos de engenharia para resolver os problemas foram encaminhados aos governos estadual e federal com o pedido de verbas. Após aprovação, os recursos são liberados de acordo com o andamento das obras.

OBRAS JÁ CONCLUÍDAS

Já estão concluídas obras no Monte Serrat, Nova Cintra, Penha, Santa Maria e em seis pontos do Morro São Bento, áreas consideradas em situação mais crítica. As obras complexas, realizadas em áreas de grande extensão, foram tocadas por vários setores da Prefeitura, com investimento de R$ 19,3 milhões, recursos dos governos estadual, federal e municipal.


Fonte: Prefeitura de Santos

0 visualização0 comentário